sexta-feira, 29 de janeiro de 2010

Obrigada Senhor por ser MÃE!

Ser mãe é algo mágico!!!
Quando o bebê nasce, você fica meio que perdida, eu no começo pensava que não ia dar conta do recado direitinho e aqui estou me surpreendendo cada dia.
Os dias passam e você percebe que aprendeu um pouco mais, não sei como, não se tem manual, eu particularmente uso muito o meu instinto e acaba dando certo.
Vejam só, Isadora so queria dormir fazendo do meu peito chupeta...então vamos tentar mudar isso???
Pois bem, dou banho, dou gagau, ponho o pijaminha dela, apago a luz do meu quarto, acendo o abajú, ligo o ar, e faço silêncio... Isadora ainda brinca um pouco, rir, bate as perninhas, faz cuspinho com a boquinha, mas eu não dou trela, digo carinhosamente "Filha é hora de dormir, não vamos brincar tá?", pego ela deito beeeeem pertinho de mim, corpinho colado, coloco a "pepeta" na boca e sinto seu cheirinho, escuto sua respiração e chego a sentir um coraçãozinho pulsando intensamente (aff lindo demaaaaaaaaaais), sacudo o bumbum da Isa e os olhinhos dela se fexam e pegamos no sono juntinhas... PERFEITO né gente?
E hoje durante o dia, faço do mesmo jeito p/ ela mimi...e parece que ela já entende, vejam na foto acima...ponho depois um encosto com o travesseiro e embrulho um lençol como se fosse um rolo para abraça-la...achoo tão linda de se vêr!!!
Dorme meu anjo!!!

Te Amo...

Mamãe.

2 comentários:

mamãe polvo disse...

Olá, sou nova por aqui... estou te seguindo!!! Sua filha é linda e fofíssima!
Quanto ao seu post, concordo plenamente.... não existe coisa melhor, as vezes acho que é um sonho!!!
Beijosss, mirella.

juliana disse...

Oi Clécia,
Nao conhecia o blog, está lindo. E como está legal os relatórios, um diário da sua vida depois que a Izadora nasceu e isso pode ajudar muita gente que passa pelos mesmos problemas e que pensa que é só com ela que está acontecendo. Sabe, lendo os seus relatos, lembrei da minha irma, qdo teve a Manoela, fazendo as mesmas observaçoes, ela tb estava advogando e teve que quase que parar de fazer tudo para dar conta do recado, mas nao fique aflita, hoje a minha irma tira de letra, a minha sobrinha, filha dela está numa creche em período integral e ela conseguiu realizar um sonho de voltar a estudar para concurso. Tá vendo aos poucos nós vamos nos adaptando e a vida entra na normalidade, é claro que nunca mais do mesmo jeito, pois depois dos filhos o maior tempo é sempre deles.Mas nós amamos isso!!!!
Beijus
ju